Malas prontas pro Egito: O que comer ? O que beber ? 6


o que comer no Egito - Pesquisador UrandirSempre que chegamos em um lugar diferente, uma de nossas primeiras preocupações é o que vou comer? Para preparar nossos amigos que visitarão o Egito, selecionamos dicas preciosas para ajudar na escolha da comida e bebida. Pra começar, esqueça a dupla arroz-feijão…. Ah! esqueça também as esfihas e kibes que são pratos árabes, porém são da cultura libanesa e não egípcia.

Lembre-se o Egito é famoso mundialmente por suas especiarias e condimentos, e acredite a comida é bem condimentada. Se seu metabolismo não esta acostumado com temperos e condimentos, a primeira dica é: pega leve na comida, não corra o risco de estragar sua viagem nos primeiros dias com um mal estar! Especiarias do Egito - Pesquisador Urandir

Existe uma especiaria muito comum no Egito, que a cidade do Cairo inteiro cheira a ela.  É utilizada em todos os alimentos.  Mesmo que seu estômago seja forte, provavelmente ele irá ficar fragilizado em alguns dias.   Tenha em mente que não será novidade se você tiver vômitos e disenteria.  Já leve do Brasil remédios para esse problema em sua bagagem.

A culinária desse país sofreu influências das comidas típicas dos povos que ali  passaram e habitaram. Os persas, berberes da Turquia, Marrocos, Tunísia e Argélia. Mais tarde, ingleses trouxeram influências das colônias indianas. Toda esta mistura está presente na culinária egípcia, que é rica e complexa, com uma tradição vegetariana que deve muito à abundância da agricultura possibilitada pelo Rio Nilo.

Pães egipcios - Pesquisador UrandirEncontrar o que comer no Egito é tarefa relativamente simples para todos os gostos. Por toda a cidade vendedores ambulantes atravessam ruas e estradas com carrinhos. A higiene deixa muito a desejar, mas em ocasiões de necessidade, e sem muitas escolhas, o jeito é encarar assim mesmo! Há tanta coisa para provar no Cairo que é fácil se perder na diversidade e originalidade da comida. Para quem gosta de experimentar coisas diferentes e não tem medo de espetar o garfo noutra cultura e aprender com os sabores de sua história, a fusão que se vê é um pedacinho de céu. Para os mais clássicos, lembramos que os egípcios adoram pão, e em todos os lugares há grande disponibilidade de pães ! não deixe de comer o tão famoso pão árabe.

Mostraremos a seguir alguns pratos bem populares com os turistas:

Koshary

Koshary - Comida típica do Egito - Pesquisador Urandir

Indiscutivelmente o prato mais popular entre turistas e locais, o koshary é uma refeição completa: delicioso, complexo, perfumado, vegetariano e inesquecível. É uma mistura de arroz, massa, grãos e lentilhas, servido com molho de tomate e cobertura de cebolas fritas crocantes. Pode acompanhar dois molhos: o vinagre de alho egípcio ou a picante malagueta vermelha. Além de popular, o koshary é verdadeiramente delicioso e muito barato. Então, aproveite !!!

Ful Medames

Ful-medames comida típica do Egito - Pesquisador Urandir

Muitas vezes essas comidas de rua não têm o melhor aspecto do mundo. Mas superando o fator visual somos recompensados com petiscos originais e deliciosos. O Ful Medames é uma papa que se obtém da fervura de algumas espécies de feijão. Alguns carrinhos de rua utilizam favas, outros preferem feijões grandes e largos, parecidos com o feijão vermelho. A massa ferve dentro de recipientes redondos e enormes de metal durante horas, com temperos como cominho, piri-piri e alho. Na hora de servir, dependendo do carrinho, a papa vem embalada por aysh baladi (pães de trigo integral), complementada por tomates, ervas, ovos cozidos e outros condimentos.

Mahshi
mashi - comida tipica do Egito - Pesquisador Urandir
Legumes recheados com arroz, cebola, alho, pedacinhos de tomate e outros legumes, acrescentando ainda muitas especiarias. Tem também a variação onde se acrescenta carne moída. Os legumes mais utilizados para se fazer o mahshi são a abobrinha, o pimentão, berinjela (no Egito existe vários tipos de berinjela, até com a casca branca!), tomate e ainda a folha de uva e o repolho. Após recheados crús, vão para a panela e são cobertos com molho de tomate para cozinhar.

Kofta

kofta - Comida tipica do Egito - Pesquisador Urandir

Mistura de carne moida, que pode ser de vaca, frango ou carneiro, mais alguns temperos como pimentas, cominho, canela, zaatar e ainda cebola, alho, salsinha e sal. Essa mistura descansa por um tempo, assim todos os sabores se misturam. É geralmente servida grelhada no espeto.

Shawarma

shawarma - Tipico prato do Egito - Pesquisador Urandir

O que conhecemos como churrasquinho grego, nada mais é que um prato árabe tradicionalíssimo. Também muito consumido na Grécia… É feito com carne de vaca, carneiro ou frango e pode ser consumido em sanduíches, como petisco ou ainda como acompanhamento com arroz.

Uma dica importante: Não arrisque se aventurando em comer nessas carrocinhas encontradas nas ruas do Egito, dê preferência sempre em comer em um restaurante! A seguir fotos das comidas “de rua”.

Comendo no Egito- uma grande aventura - Pesquisador UrandirFul Medames é vendido em carrinhos na rua - Pesquisador Urandir

Experimente outros pratos típicos, como: fatuche (salada), tabule, labna má riyar (coalhada com pepino), falafel (sanduíche de favas) aliás, o falafel é um dos sanduíches mais populares no país até os McDonald’s de lá, tem o “McFalafel”! Têm também os chawarma (filetes de carne com tempero e molho de tahine), kafta grelhada (carne temperada com especiarias), mijadra (arroz com lentilhas), michayriye (arroz com macarrãozinho cabelo-de-anjo), homus bi tahine, baba ghanouge (creme de grão-de-bico com berinjela queimada), molokheiye (sopa com frango e cubos de tomate) sopa de lentilhas egípcia.  Não deixe de provar o turkish coffee (café sem coar) após cada refeição.

Bebidas

A primeira dica é: A água não é Potável!  ou seja, nunca, em hipótese alguma beba água da torneira. Evite até mesmo cubos de gelo, pois não saberá a procedência da água que foram feitos os gelinhos.  Acostume-se a ter sempre uma garrafa de água por perto, pois o risco de desidratação é muito real.

Sucos

Sucos típicos no Egito - Pesquisador Urandir

Um clássico do Cairo! Rápidos, baratos e deliciosos, os sucos de rua do Cairo estão por toda a cidade e vêm em todas as cores e sabores, muitas vezes em sacos plásticos. Alguns são feitos de frutas fresca, outros parecem misturas de água com açúcar e corante, outros parecem refrigerantes sem gás. A dica, como em todas as comidas de rua, é procurar os locais com mais gente na fila ou na porta.  Dê preferência aos sucos de pura fruta, ou seja, sem adição de água, pois como citamos anteriormente, a água não tem boa procedência. Os chás gelados em saquinhos são uma boa opção já que a água, a princípio, terá sido fervida para fazer o chá.

CAFÉ ÁRABE

Café arabe- Pesquisador Urandir

A palavra café vem do árabe “Ahwe” (lê-se “árrue”), que significa vinho. O café era conhecido como “Vinhos das Arábias” quando chegou à Europa no século VIV. E foram os árabes que iniciaram o hábito de tomar a bebida. No início, o café era conhecido apenas por suas propriedades estimulantes e a fruta era consumida fresca. Em 1000 d.C., os árabes começaram a preparar uma infusão com cerejas, fervendo-as em água.  Somente no século XIV, o processo de torrefação foi desenvolvido e finalmente a bebida adquiriu um aspecto mais parecido com o que temos nos dias de hoje.

No deserto ou em uma casa árabe moderna, a maneira tradicional de preparar e servir o café é sempre a mesma. Depois de preparado com temperos especiais como hal (cardamomo), é servido em racues e acompanhado de pequenas xícaras sem alça. A bebida não é coada. Espera-se a borra decantar no fundo para servir.

KARKADEH – O CHÁ EGÍPCIO

karkade chá tipico do Egito - Pesquisador Urandir

Karkadeh é o mais tradicional chá egípcio preparado com a flor de hibiscos.

Pode parecer brincadeira, mas sob aquele calor intenso praticamente o ano inteiro, os egípcios tomam chá, principalmente chá preto, hortelã, alcaçuz e claro, karkadeh.  É comum ver vendedores ambulantes pelas ruas do Cairo vendendo em tinas de vidro, os chás em copos de vidro.

Um detalhe interessante sobre o karkadeh é que ele é um chá que inicia uma negociação na hora da barganha.  Quando não se chega a um consenso sobre o preço de uma mercadoria, pede-se “at karkadeh” (traga karkadeh); é sinal que o papo vai longe e que a negociação vai sair.  Egípcios adoram barganha.  Eles crescem com isso desde a tenra idade.  Algo que pedem 100, pode chegar a 10 ou 15 se tiver a paciência de tomar muito karkadeh.

Servido quente ou frio é extremamente saboroso.  Tem gosto herbáceo.  É exótico.  Azedinho no começo e doce no final.  Alguns egípcios exageram na quantidade de karkadeh na hora de seu preparo e o chá fica parecendo uma tinta vermelha, de tão forte.

O chá de flor de hibíscus é utilizado como base para diversos chás de frutas vermelhas: morango, framboesa, cereja, amoras.  Ele ajuda a conferir sabor e a cor original da fruta.  Acaba sendo misturado com a polpa destas frutas e torna-se uma boa mistura.

 

Bebidas Alcoólicas

Bebidas Egipcias - Pesquisador Urandir

Como um país muçulmano, no Egito não há a cultura de consumo de álcool. Mas a bebida é disponível no Cairo, especialmente em áreas turísticas. As bebidas dos egípcios tem suas próprias versões como a Stella e a Sakkara que são boas.

Por enquanto ficamos por aqui, mas já preparando mais novidades para nossos amigos que irão ao Egito na Expedição Zigurats e Projeto Portal, claro que tendo como líder Urandir Fernandes de Oliveira.

Até a próxima!


Deixe uma resposta para bethsilva Cancelar resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

6 thoughts on “Malas prontas pro Egito: O que comer ? O que beber ?